Patetas Blog

Cultura Automotiva, Estilo de Vida e Opinião

Tag: fiat147

Fiat a INOVADORA

A Montadora FIAT, sempre foi uma marca com visão, sempre ligada às tendências do mercado e sempre disposta inovar, esta inovações foram tantas que decidimos fazer um poste especialmente sobre o assunto.

1923 – Logo após o fim da Primeira Guerra Mundial, a FIAT retomou a fabricação de automóveism detendo 80% do mercado interno. Com a chegada do Engenheiro Giacomo Matté-Trucco o proejto de uma nova fábrica que se tornaria o símbolo da indústria italiana e a maiór fabrica de automóveis do mundo.Fiat_Lingotto_veduta-1928-640x360-620x348A obra ficou pronto em 1923 e tinha cinco andares e nada mais nada menos que uma pista de testes em seu teto. Se isso parece ser inacreditável hoje, imagine para época. A pista ocupava o espaço de 494 metros de comprimento e 85 metros de largura. As curvas da pista foram construídas com uma complexa série de estruturas de concreto, uma técnica nunca antes utilizada e muito menso para construção de uma pista no sexta andar de um prédio. Na verdade a pista fazia parte da última etapa da linha de montagem da montadora, que tinha toda sua linha de produção em uma espiral ascendente até chegar ao topo.pista1978 – lançamento da Fiat 147 Pick Up no Salão do Automóvel;

pick up 1471979 – Primeiro carro movido a álcool, o Fiat 147;0,,21391354-EX,001990 – O Uno Mille se ternava o primeiro carro com motor 1.0 Litros;uno-mille-linha1994 – Também o Uno se tornou o primeiro veículo nacional Turbo de fábrica;uno-turbo-51996 – Fiat Tipo foi o primeiro carro com Airbag no Brasil;fiat-tipo-linha1999 – A Fiat Pálio Adventure, foi o primeiro carro com o visual “Off-Road” ou “Fora da Estrada”;

2001 – Fiat Doblò se tornou a única multivan nacional.;

2006 – Lançamento do Fiat Stilo com teto solar de design único, chamado de Sky Window, que fez muito marmanjo ficar de boca aberta e juntar todas suas economias para possuí-lo.fiat_2004-Stilo_M.Y._1.9_Multijet_5door-044_2stilo+2003+sky+window+c+kit+2010+e+gnv+resende+rj+brasil__678C87_2Dias atuais: A pista de testes da FIAT, citada no começo desta matéria, ainda permanece intacta e é utilizada principalmente como local de reunião de empresas, clubes de automóveis, além de atração turística. Você pode alugar um carro e subir os seis andares e dar uma volta pelas retas da pista. Simplesmente incrível não é?! é bom saber que a história automotiva esta sendo bem cuidada.

Fiat 147 Spazio

O nosso conhecido Fiat 147, foi o primeiro carro produzido pela Fiat do Brasil que abria sua fábrica em Betim (MG), o 147 trazia novo conceito em tecnologia, aproveitamento de espaço e em tempos de crise do petróleo atendia um mercado que exigia um carro econômico, e para provar esse aspecto num de seus comerciais de lançamento, a Fiat exibiu um 147 L atravessando a ponte Rio-Niterói (14 km) com apenas 1l de gasolina. 563437_550100055014032_1449125707_nFoi oferecido primeiramente na versão L e GL de motor 1050 e 55cv, posteriormente ganhou versões mais requintadas com motor 1300 61cv; A GlS e o esportivo “Rallye”, houve também uma série especial chamada “TOP”.
Em seus quinze anos de produção o Fiat 147 passou por duas reestilizações, sem grandes mudanças na carroceria. Na primeira reestilização ganhou uma frente mais baixa com faróis e grade inclinados, no estilo que a marca chamou “Europa” em 1980 e, mais tarde, em 1983, a segunda que foi chamada Spazio, incorporando para-choques de plástico envolventes no estilo alusivo a modelos contemporâneos da marca como o Fiat Ritmo e o lançamento do ano seguinte Fiat Uno. O Spazio foi oferecido nas versões CL, CLS e o esportivo TR substituindo o “147 Rallye”, tinha câmbio opcional de 5 marchas.

Carro de Saulo Braga: mais fotos em: https://www.facebook.com/meus.fiats.7

Carro de Saulo Braga: mais fotos em: https://www.facebook.com/meus.fiats.7

Teve uma versão picape lançada em 1978, a princípio chamada de Fiat 147 Pick-up. Em 1982, ganhou plataforma igual a da Panorama e passou a se chamar Fiat Fiorino. Na mesma época, foi lançado a versão furgão (carro que já postamos sua história aqui), que é produzido até hoje, na plataforma do Uno. A perua Fiat Panorama, foi lançada em 1980 e a versão sedã, Fiat Oggi, em 1983. Essas versões tiveram vida curta (apenas até 1986). 10338237_826529204037781_9126395250818445718_nA versão Hatchback do 147 saiu de linha no Brasil em 1986 sendo substituída pelo Uno, embora o Spazio continuasse sendo montado para exportação até 1993, e o ferramental de produção foi em parte transferido para a Argentina, onde foi montado até 1996. As versões pick-up e furgão (Fiorino) foram substituídos pela plataforma do Fiat Uno em 1988.10552534_614455655334126_8887042099884865211_nFoi eleito pela Revista Autoesporte o Carro do Ano de 1978. Na época seu único concorrente era o Volkswagen Fusca que, tinha um desempenho e consumo inferiores. Porém a mecânica sofisticada do 147 na época demandava mais conhecimentos técnicos para sua manutenção, como a troca mais frequente da correia de distribuição (40.000 km), acarretando sua “má fama” devido a inobservância dos proprietários a esses aspectos.

Carro de Saulo Braga, mais fotos em: https://www.facebook.com/meus.fiats.7

Carro de Saulo Braga, mais fotos em: https://www.facebook.com/meus.fiats.7

Seu câmbio foi criticado por apresentar maior dificuldade para encontrar as marchas em suas primeiras versões, problema que foi em parte solucionado pela Fiat a partir dos modelos de 1984.

Fiorino 147

Galera fiquei PASMO, as palavras fugiram, muito TOP este projeto! e é claro, que nós da Equipe Patetas fomos atrás de mais informações deste belo exemplar:1979643_749316751759027_59799651_nO ano de 1980 marcou a chegada da picape Fiorino que assumia o formato de Furgão, este modelo era mais longo do que o Fiat 147, lançado na segunda metade da década de 1970. O amplo baú comportava até 2.700 litros ou 540 kg.

1609798_453790638085300_6818501301081974979_n - Cópia10308164_233037076891688_4798073766053004436_n

ISSO SÓ PROVA, QUE NÃO EXISTE CARRO FEIO!

1794823_446001578864206_1431323780_n

10294329_309597465857441_5797343306886531732_nFicha técnica Fiorino 147 (1982) – Versão Original

Motor: posição transversal, dianteiro. Com 4 cilindros em linha e cilindrada total de 1.297 cm³. Potência máxima: 61 HP, 5.400 rpm (gasolina); 62 HP, 5.200 rpm (etanol). Torque máximo: 9,9 kgfm/3.000 rpm (gasolina); 11,5 kgfm/ 3.000 rpm (etanol). Com 2 válvulas por cilindro. Eixo de comando de válvulas: um no cabeçote, Combustível: gasolina, etanol e Carburador: corpo simples. Câmbio: 4 marchas à frente e uma à ré. Tração dianteira.
Sistema de freios: dianteiro a disco, traseiro a tambor.
Suspensão: dianteira tipo McPherson com rodas independentes, braços oscilantes inferiores com barra estabilizadora.
Rodas: Aro 4,0 x 13”, em aço com Pneus: 145 SR 13.
Peso: em ordem de marcha (StdA) 870 kg.
Capacidade de carga: 450 kg.10363594_311732938977227_1259364410950632317_n

Espero que tenham gostado da matéria, e sirva de inspiração para novos projetos.

Fonte: http://truckmotorsshow.blogspot.com.br/2013/02/conheca-rica-historia-do-furgao-fiorino.html

 

© 2018 Patetas Blog

Theme by Anders NorenUp ↑